Sixth

gramados, futebol, paredes verdes, aspersores, bocais, válvulas. 21 2430-3322 _/_ vendas@irricomrio.com.br

Publicações

Sempre atualizando informações


FOTOS: Tibet brilha em meio a mudan?as

30/10/2011
rainbirdrj
Nenhum comentário
Bookmark and Share

De Phil Borges :

Quando me aproximei capital do Tibete, Lhasa, a estrada dividida. O que eu lembrado como uma estrada de duas pistas ?spera que corria pela cidade e hospedado um ve?culo ocasional era agora uma estrada de seis pistas divididas cheia de caminh?es, t?xis, utilit?rios e ?nibus. Centros comerciais enormes, cobertura celular ub?quo e um trem que facilita a chegada de seis milh?es (em sua maioria chineses han) turistas a cada ano est?o mudando rapidamente Tibet.

Adicionando a todas essas mudan?as, os efeitos das mudan?as clim?ticas est?o acelerando no planalto tibetano. Com exce??o da P?los Norte e Sul, as geleiras do Tibete segurar o maior corpo de ?gua congelada na terra e servir como da ?sia “torre de ?gua.” Essas geleiras que alimentam os grandes rios da ?sia e da fonte de quase dois bilh?es de pessoas com a ?gua que d? vida, est?o desaparecendo a um ritmo alarmante. Grandes ?reas do planalto outrora f?rteis est?o se voltando para o deserto e os n?mades tibetanos e agricultores Conversei com est?o descobrindo que ? mais do que nunca para subsistir. O governo chin?s, percebendo sua fonte de ?gua vital est? sendo amea?ado, tem respondido ? crise clim?tica, movendo dezenas de milhares de n?mades em campos de reassentamento e cercar grandes por??es de terra na esperan?a da desertifica??o vai ser revertida e os pastos v?o regenerar.

Apesar de todas as grandes mudan?as que ocorrem no Tibet, a devo??o do povo tibetano ? sua pr?tica budista parece t?o forte quanto sempre. O n?mero de peregrinos a caminho de seus locais sagrados – como o Templo Jokhang e Monte Kailash – realmente aumentou nos ?ltimos dois anos. Nas manh?s e tardes eu assisti milhares de tibetanos, mesmo os anci?os aleijado com quadris e joelhos ruins, fazer suas caminhadas di?rias ao redor de stupas, templos e montanhas, girando as rodas dos seus ora??o e cantando seu mantra, “Om Mani Padme Hum”.

Durante minhas recentes viagens eu fotografei e entrevistou in?meros n?mades tibetanos, camponeses, monges e monjas. Minhas perguntas focada em sua pr?tica devocional, a ado??o de tecnologia e os desafios que enfrentam como resultado da mudan?a clim?tica.

Todas as imagens e legendas cortesia de Phil Borges.

Sobre Phil Borges :

experi?ncias recentes

Phil est? viajando por todo o planalto tibetano no ?ltimo ano e meio est?o agora na forma de um belo livro, intitulado ” Tibet: Cultura on the Edge “.

“Eu havia retornado para o Tibete, ap?s uma aus?ncia de 15 anos e as mudan?as que eu vi tanto espantado e me chocou. Meu livro oferece uma vis?o sobre essas pessoas not?veis, que vivem em um dos ambientes mais fr?geis na terra, e face uma indu??o r?pida para o s?culo XXI, enquanto tenta manter aquilo que de mais caro – a sua pr?tica budista tibetana e da cultura “, disse Borges

.

Por mais de 25 anos Phil Borges documentou as culturas ind?genas e tribais em todo o mundo. Atrav?s de sua exposi??es, livros e projetos de multim?dia, ele se esfor?a para criar uma maior compreens?o das quest?es enfrentadas pelas pessoas no mundo em desenvolvimento. Phil ? um companheiro da

Gostou do artigo? Para receber atualizações e novidades, informe seu email no campo abaixo.

[wysija_form id="2"]

Escreva um comentário

Comentário